desencontro

*Da necessidade de estar comigo e apenas;

** Da descoberta do eu que eu desencontrei ou desconversei em alguma bifurcação no meio do caminho.

Venho me fazendo reclusão pré-disposta há um tempo. Sou um misto dessa recusa de sociabilidade com indisposição frente ao que transcende as minhas quatro paredes, meu balcão e meu café. As renuncias às vezes inteligíveis mais do que partem, partem-se. Não é o anuncio de uma recaída, nem o medo da mudança. É a vontade inflamada de, por muitos instantes, não estar por entre as gentes. É a eterna luta do meu etéreo bipolar.

Advertisements

One thought on “desencontro

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s