cansa, menina.

Cansa ouvir todo dia que não me cuido. Ouvir todo dia sobre meus quilos a mais, sobre meus olhos fundos, sobre o não passar maquiagem, sobre minhas roupas e combinações. Também me cansa a fatídica pergunta “E a academia, está indo?”. Cansa ouvir todo dia que eu deveria ser menos bruta e mais mansa. Incomoda o não-estar motorista. Cansa ouvir todo dia que eu também não tenho postura, que joguei anos fora, que não me banco. Cansa aguentar o peso nos ombros.

Cansa cair na mesma contradição todo dia, quando depois de tudo, perco-me no meu reflexo do espelho: querendo não ser eu, mas ainda não querendo ser outra pessoa.

PS: Em outro encontro, discorro melhor sobre meu cansaço. Hoje, presto-me apenas a colocar para fora, em meias palavras, o que me sufoca.

Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s